Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

cultura
Artistas de Capivari de Baixo criam vídeodança com recursos da Lei Aldir Blanc

Publicado em 07/05/2021 às 10:55 - Atualizado em 07/05/2021 às 13:40

Gisele e Matheus executaram um dos 26 projetos contemplados pela Aldir Blanc municipal Baixar Imagem

Encontros virtuais, ensaios com distanciamento social, gravações e edição, fizeram parte do processo criativo da videodança Entre Estrelas e Raízes. Fruto de um sonho coletivo, o projeto surgiu de um chamado do coreógrafo e dançarino Matheus Pipoka para a atriz e dançarina Giselle Paes, com o objetivo de criar um trabalho aliando a linguagem da dança contemporânea ao vídeo.

A dança contemporânea começou a fazer parte das vidas dos dois artistas através de suas participações no Festival Internacional Dança em Trânsito, na etapa de Capivari de Baixo. Realizado pelo grupo Tápias do Rio de Janeiro, o projeto abarca apresentações artísticas, formação, capacitação, reflexão e intercâmbio entre grupos de dança de diversas cidades do Brasil e do mundo, possibilitando assim, as trocas de experiências entre companhias nacionais e internacionais convidadas, e incentiva o desenvolvimento da linguagem da dança contemporânea.

Giselle, que também é contadora de histórias e produtora cultural no grupo Encantados Contadores de Histórias, aceitou o desafio e criou um trabalho poético, utilizando a expressão corporal como forma de manifestar sentimentos e sensações, por meio de movimentos simbólicos do corpo.

“Uma parte de mim encontra-se no que já fui, no que sou e até mesmo no que serei. Entre estrelas e raízes sou eu mesma, navegando por esse planeta”, diz Giselle Paes, intérprete e proponente do projeto.

O projeto tornou-se realidade por meio dos recursos provenientes da Lei Aldir Blanc, nº 14.017, de 29 de junho de 2020, através do Município de Capivari de Baixo, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

A Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc foi criada no ano passado para ajudar profissionais do setor cultural com atividades interrompidas por força da pandemia da Covid-19. Em Capivari de Baixo, que teve 26 projetos contemplados, a Lei foi uma oportunidade para os artistas e produtores culturais locais viabilizarem seus trabalhos, já que o município ainda não dispõe de um Conselho Municipal de Cultura para a criação de um Fundo destinado a garantir editais nessa área.

Entre Estrelas e Raízes foi gravado no próprio município e contou com uma equipe de artistas residentes, composta por Giselle Paes, intérprete-criadora, Matheus Pipoka, coreógrafo, diretor e captação de imagens e Gustavo Medeiros Avohai, Edição e Finalização.

Entre Estrelas e Raízes está disponível nas redes sociais do Grupo Encantados Contadores de Histórias.

Para assistir: https://www.youtube.com/watch?v=_kIgvpzmwBc